11 de março de 2019

"Perdi minha identidade espiritual", o que faço agora?

Para as pessoas que são extremamente religiosas ou apenas religiosas, entenderão o que passarei a discorrer!

A Violência doméstica, quando é moral, psicológica e financeira*, nos destrói de dentro para fora! Nos perdemos de nós mesmos(as), deixamos de ser quem somos, nos transformamos em uma casca vazia, ou algo parecido a um zumbi ou morto vivo!
(*Lei Maria da Penha - 11.340/2006, artigo 7º, incisos II, IV e V)

Violência contra a mulher
Mulher destruída, mulher vampirizada

Somos manipulados de tal forma que costumamos dizer a nossos Terapeutas, pessoas da família ou muito próximas (só a elas, e, às vezes só ao Terapeuta, por vergonha), que não somos mais quem éramos!

A droga pela qual nos viciamos é um outro ser humano, todavia perverso, sem empatia ou remorso! 

Alegra-se em nos ver sofrer - só assim consegue o suplemento para sua felicidade e satisfação pela vida (ele-a não tem isso e nunca teve); precisa de alguém que tem muita vitalidade e empatia, mas que seja vulnerável, demasiado empática e bondosa. Essas são as vítimas perfeitas para os Psicopatas com Transtorno de personalidade Narcisista.

A toxicidade que nos emana, nos adoece! É comum que pessoas que convivem com narcisistas (homem, mulher, trans, Gays; independe da sexualidade), acabe com depressão, síndrome do pânico e até com vontade de por fim a tudo (às vezes põe)! 

Alguns(umas) quando, por fim são descartados(as) (porque, descartar eles(as) é mais difícil - eles(as) não deixam; perseguem e nos "bombardeiam" com seu falso amor); assim, novamente caímos em suas garras - é um recomeço que será ainda pior (é o do tal 'gasligthting'*, ou luz de gás em espanhol, em português ainda não há uma tradução, mesmo literal para a palavra).

*Este filme AQUI, antigo, mostra como é realizado o gasligthing!

Quanto mais saímos e voltamos, mais sofremos! 

É como um vício em qualquer droga. "QUANDO CONSEGUIR SAIR FORA NÃO DÊ NOVA CHANCE - CONTATO ZERO OU PEDRA GRIS*" (é o conselho mais dado por especialistas).

*Veja AQUI conceito (comentários) sobre a pedra gris na Psicologia!

Quem faz tratamento e participa de grupos de ajuda contra alcoolismo a regra é: não dê o primeiro gole!

Bombardeio de amor
Quem sofre com narcisistas é a mesma coisa: "não volte a falar, a receber mensagens e responder; bloqueie (é melhor); se puder fuja para outro Estado ou país; não dê uma "nova foda"(ops), nem beijos; não se sucumba aos encantos malignos dessa criatura sem remorso ou voltará a ser manipulada de forma ainda mais cruel, porque ele entenderá que você é mais fácil de manobrar do que pensava: "é só lhe dar um agradinho, um carinho falso, que você cairá nas garras dele(a) novamente"!

*Quando decidir sair de uma situação assim NOS PROCURE, somos especializados em divórcio online - mais prático e mais barato do Brasil

Os especialistas no assunto dizem que, ao longo da vida, todos nós teremos algum contato com essas pessoas porque são muitas espalhadas pelo mundo (cerca de 3% a 7% da população é assim); sem falar que muitos de nós temos alguns traços, mas não somos exatamente pessoas com transtorno narcisista: temos empatia, amor e remorso!

*Vampiros emocionais - você já ouviu falar deles? Saiba mais aqui!

No entanto, esses 3% a 7% são demasiados! Você poderá encontrá-los no trabalho, na família (e muito), na escola, na igreja (bastantes) e na política (demasiados). 

O mundo está repleto e não é difícil que você acabe cruzando com um e se encante por ele(a) - daí, para cair nas garras e se transformar em casal (vítima), é um passo!

Por outro lado, não é incomum que pessoas, filhos de pai(s) narcisistas e violentos se tornem presas fáceis! Parece um imã; gente que já sofreu na "mão de uma mãe ou pai narcisista" também atrai maltratadores!  

Conheço uma família assim: 3 de 4 filhos (as) vivem com narcisistas e não conseguem se desvencilhar. A que tem 3 filhos vive há mais de 23 anos assim - felizmente é a mais forte das três; ainda segue em pé e está 'aparentemente' saudável da mente!  Mas, até já o denunciou por perseguição e violência psicológica!

As demais, todavia, não são tão altivas e fortes como a primeira! 

Uma está muito deprimida e a outra adoeceu bastante e está com stress até o "topo" - lamentavelmente, a "droga que consomem" é de uso constante; para conseguir sair só com muita terapia, antidepressivos e ajuda de familiares e amigos próximos!

O sofrimento causado por Tóxicos Narcisistas (Psicopatas integrados) é como o Transtorno do estresse pós-traumático! Sair disso só com tratamento prolongado (de 2 ou mais anos); se a pessoa regressar com o agressor o Terapeuta terá que recomeçar o tratamento do zero!

Não tenha pena, nem faça pouco caso do sofrimento alheio, tampouco desdenhe de quem sofre por AMOR ZERO (Amor Zero é o título do livro de um especialista no assunto; um espanhol de nome Iñaki Piñuel); ele só trabalha com vítima de "amor zero" e acoso escolar (ou seja, bulliyng).  

Esses dois tipos de vítimas são tão traumatizadas que podem realmente por fim a suas vidas - passam a ver a vida de forma distinta; os pensamentos são disfuncionais; só com uma boa Terapia (Terapia Cognitivo-Comportamental - TCC) a pessoa quiçá possa voltar a ser quem um dia foi.

O assunto tratado aqui são a descrição das vítimas de Psicopatas Narcisistas, os com Transtorno de Personalidade Narcisista; são àqueles 3% a 7% da população que citamos; NÃO SÃO os que comem pessoas, cortam cabeças, grelham bochechas e guardam cérebros em geladeira como nos filmes; estes últimos são outro tipo de gente - pessoas realmente perversas e assassinas; tudo devido ao desenvolvimento, à formação  cerebral!  

No desenvolvimento intrauterino de um psicopata do parágrafo anterior houve uma anomalia, uma redução de matéria cinzenta e o córtex pré-frontal, os polos temporais nunca se ligaram (é como um bebê que tem àquela coisa que chamam de 'moleira'), quando crescem um pouco ela se fecha e, é claro, o crânio endure.

Nos Psicopatas que "matam pessoas de forma cruel e até comem" essa moleira nunca se fecha, só o crânio enrijece (como é lógico)!  

Fazem o que fazem, agem como agem, devido à falta de entendimento do certo e errado, da falta de remorso, da falta de empatia, da falta de amor; não entendem de punição e tampouco se importam com ela - o instinto é fazer o mal!

Os psicopatas integrados são mais 'toleráveis'; no entanto "matam" suas vítimas de forma lenta, via tortura psicológica e moral! 

Meu conselho?

Quando encontrar alguém encantador demais, perfeito demais; a tal "alma gêmea", desconfie e fuja!  Ninguém é perfeito, devemos estar cientes disso para não cairmos em armadilhas como as que caíram as três mulheres citadas acima e também citadas (com mais detalhe), em nosso e-Book (Veja aqui)

Todo o relatado é crime, se você for mulher e sofrer nas garras de um manipulador narcisista, procure a delegacia da mulher e depois busque um Advogado ou Defensoria Pública e peça afastamento (ordem de alejamento (afastamento) do cônjuge agressor); se houver filhos aja para que, apenas eles, tenham contato com o pai - procure uma pessoa de confiança para entregá-los e recebê-los de volta após a visita (a palavra de ORDEM É: não se acerque mais a esse ser ou ele voltará a te manipular, a te sugar como um vampiro que é). 

Infelizmente, se a vítima for homem não há uma Lei "José da Penha" para defendê-los, mas violência é sempre violência - busque ajuda judicial e psicológica para sair dessa relação doente e vá ser feliz com quem te ame de verdade (ou fique contigo mesmo - ninguém te amará mais que tu próprio)!

A Lei Maria da Penha que citamos acima foi modificada pela Lei  nº 13.772, de 2018).

Por Elane F. de Souza (Advogada não atuante, Blogueira, Articulista do JusBrasil e atualmente ativa no canal do youtube - aqui).
Também estamos no facebook com fã page, AQUI.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça um comentário ou envie uma pergunta

NEWSLETTER - SUBSCREVA

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner