17 de abril de 2018

"DESIGN EMOCIONAL": o mundo é dos mentirosos

Estava lendo um artigo sobre marketing digital e me deparei com um artigo sobre "design emocional" e pensei: "o mundo é dos mentirosos e espertos, não tem jeito não"!

Para ser um excelente vendedor, um expert em vendas, se você não "mentir" ou mascarar a verdade sobre o produto (o objeto a ser vendido), nem que seja um pouco, você não conseguirá ser; isso é FATO!  

Depois que me meti a criar conteúdo para internet, ser afiliada de alguns produtores digitais e "publisher" de meus próprios produtos, venho notando, ainda mais, essa falibilidade humana dos profissionais de vendas e de criação.

*Conheçam, de nossa autoria, os e-Books PPB e Vivendo com Depressão

O tal "design emocional" de que falei anteriormente é só mais uma manobra dos criadores de conteúdo (desta feita, dos publishers), das pessoas que fazem, que constroem produtos digitais para venda (e-Books e aulas virtuais, por exemplo).  Esse processo "emocional" tem como finalidade encantar o potencial cliente ou manter o já cliente do conteúdo.  

- Mas, como isso é feito?

O criador enfeita de tal forma o produto (para agradar a visão) que no final das contas o conteúdo nem precisa agregar muito valor; nem precisa ser efetivamente bom, nem resolver o problema proposto inicialmente.  A pessoa compra, e mesmo assim não se sente enganada - afinal, estava tudo "muito bonitinho", muito bem estruturado; imagens perfeitas; estúdio e processo de envolvimento agradável - "valeu a pena adquiri-lo"!  

Design emocional


RESULTADO: a pessoa é enganada e nem se dá conta disso!

Talvez, até exista no mercado (na mesma plataforma), outros produtos muito mais inteligentes, e que resolveria, de verdade, o problema da pessoa - mas, infelizmente o autor não sabe "encantar"; acha que ensinar a resolver o que propõe é o suficiente - SÓ QUE NÃO!  

Hoje, pelo visto, é mais útil encantar pelos olhos e fazer graça que resolver o problema das pessoas (dos alunos, dos clientes).


Quando digo que o mundo é dos mentirosos, o que quero dizer com isso?

Aí, meu amigo, é só dar uma "olhadinha" no mundo que não vai ser difícil entender:

* Qual político (no Brasil, pelo menos) que ganha eleição sem enganar os eleitores?

* Quantas vezes compramos "gato por lebre", via internet, porque fomos enganados pela "bela publicidade"?  E depois, o pós venda é um fracasso; ninguém mais atende, nem dá satisfação aos questionamentos do comprador (já vendeu mesmo - "que se lixe quem comprou" - decerto pensam assim)!

*Qual líder religioso não exagera no discurso para arrebanhar mais "ovelhas" e conseguir mais dízimos?  Às vezes, até se utilizam de promessas de uma vida melhor e cura de doenças que, tem certeza que não virá!

* E os bancos, por meio dos banqueiros e bancários - esses são experts em "empurrar" serviço, sempre com promessas mirabolantes de ganho que nunca concretizam, nem irão concretizar (ainda cai quem é inocente - eles, no entanto, nunca deixarão de tentar).

* Quantas vezes não se depara, ou ouve falar de alguém que apresentou CURRICULUN falso; com Mestrados e Doutorados que não existem?  Pois é, na política e na Administração pública (por contratos de confiança) está cheio de gente com especialidade e diploma de, sei lá o quê, sem nunca ter entrado numa faculdade.  Felizmente, para entrar por concurso, quando exige título, ele é devidamente apresentado e com autenticação (já, para cargo e função de confiança, NÃO - mas deveria).

* E advogados que prometem ganho de causa sem ter a menor ideia de como será o pronunciamento do juiz (alguns, sequer conhecem a "linha" seguida pelo magistrado - pois não o conhecem); na maioria das vezes não sabem qual será o magistrado a atuar na ação. Isso acontece sempre quando a cidade é de grande porte; há dezenas atuando na mesma jurisdição e no mesmo tipo de vara. 

Portanto, não dá para afirmar ao cliente quando será a decisão, tampouco de que forma essa ação será julgada - "temos todas as provas em nosso favor, assim, 'POSSIVELMENTE', ganharemos; se não, podemos recorrer"!  Isso sim, deve ser dito.  Caso seja uma ação sem futuro, sem nenhum nexo, sem provas, algo difamatório e protelatório - não se deve aceitar; dar esperanças de ganho então, deveria estar fora de cogitação. Entretanto, como em todas as demais categorias, a Advocacia está cheia de profissionais sem ética.

E haveria muito mais para citar sobre mentirosos e "enganadores de elite" - gente que cresceu e se tornou alguém usando da omissão da verdade; muitas vezes da mentira, que é, ainda mais grave!

Quem quiser deixar um comentário sobre alguém que conhece ou ouviu falar ser um tremendo mentiroso, mas foi por isso que conseguiu fama e dinheiro - seria interessante para acrecer ao tema.

Boa semana a todos! 
Por Elane F. de Souza (Advogada, autora deste e de outros blogs de Direito)
Imagem por pixabay






10 de abril de 2018

Brasil para Brasileiros e Estrangeiros que "cospem no prato que comeu ou come"!

Foi fazendo a leitura de um texto que, supostamente, nem existe mais na sua origem (só reproduções), que resolvi "despejar" o que virá a seguir.

O texto, segundo consta na reprodução que li (Brasilkk.com) é de uma Norte Americana que viveu no Brasil por 3 anos. Não sabemos o porquê ela decidiu escrever estas verdades sobre nós! Falando assim dirão que tenho "complexo de vira-lata" (mas não), isso é só constatação de quem viveu fora e já viajou muitooo! A moça não disse nada mais que a verdade - INFELIZMENTE! Com raras exceções do que foi dito, concordo com tudo!



Vamos ao "belo" e criticado texto?

"20 Razões para odiar o Brasil"!


“1- Eles não têm consideração por aqueles que não participam de seu círculo social. Se um vizinho toca música alta durante a noite e você lhe pedir educadamente para abaixar o som, ele vai mandar você se fu#$%. Eles simplesmente não têm educação. Se alguém esbarra em você na rua, ele nunca irá lhe pedir desculpas. Esqueça!
2- Eles são agressivos e querem levar vantagem em tudo. No trânsito, por exemplo … se tiverem uma forma de ultrapassar você, assim o farão. E jogam o carro pra cima sem dó nem piedade.
3- Eles não respeitam o meio ambiente […] jogam lixo na rua, na natureza, nos rios … em qualquer lugar. Os recursos naturais estão sendo desperdiçados. O país é muito sujo.
4- Eles toleram a corrupção no governo e no setor privado […] a população elege os mesmos corruptos de sempre.
5- As mulheres no Brasil são obcecadas com seus corpos e adoram uma competição entre si.
6- Os homens acham ‘legal’ trair as mulheres e o fazem com o maior descaramento. Não há fidelidade.
7- Eles são mal educados e falam mal dos outros publicamente […] não se importam em ferir os sentimentos de outra pessoa.
8- Os trabalhadores são geralmente malandros, preguiçosos e atrasados […] querem ganhar muito e trabalhar pouco. Eles acham que o governo tem que dar tudo (bolsa isso … bolsa-aquilo). Não estudam, não se capacitam e adoram ficar resmungando pelos cantos.
9- Os ricos são arrogantes, insensíveis e acham que estão acima da justiça […] os pobres ganham tão pouco que mal conseguem se alimentar e não têm esperanças de futuro, por isso partem para o crime.
10- Os brasileiros não esperam você terminar de falar […] eles te interrompem e começam a tagarelar […] é uma espécie de competição para ser ouvido.
11- A polícia é incapaz, ganha pouco, não cumpre as leis para proteger a população, que por sua vez não respeita a polícia. As pessoas vivem cercadas por muros, grades, alarmes, cercas elétricas e constantemente estão em pânico por medo da violência.
12- Eles tornam tudo inconveniente e difícil […] a burocracia que os políticos impõem para os cidadãos é algo de outro mundo. Os impostos do Brasil nunca retornam para o povo […] eles são roubados na ‘cara dura’.
13- Voltando ao assuntos dos impostos, eles pagam taxas absurdas para tudo (produtos de casa, eletrônicos, carros, arroz, feijão, etc…). Os empresários são obrigados a seguir as leis para sustentar um governo corrupto e quase nunca conseguem fazer lucro.
14- O verão é quente como o inferno e dura 9 meses do ano. As casas não possuem isolamento térmico. Você sofre de calor durante 9 meses e passa frio nos outros 3.
15- A comida é sem graça, repetitiva e inconveniente. Quase não existe alimentos congelados ou prontos para serem consumidos. Quando você encontra, o preço é absurdamente elevado.
16- Eles são muito sociáveis e quase nunca saem sozinhos. Você não consegue descansar nos fins de semana […] é quase que ‘obrigatório’ convidar as pessoas para ir na sua casa.
17- Eles não saem debaixo das ‘asas’ do papai e da mamãe. Moram todos juntos, espremidos. Ficam perto emocional e geograficamente durante toda a vida. As famílias vivem intrometendo na vida do casal (aconteceu comigo) e fazem fofocas diariamente.
18- Serviços básicos como eletricidade, água, esgoto e internet são péssimos e/ou ausentes na maior parte do país […] quando você encontra esses serviços, eles são absurdamente caros e ruins.
19- A qualidade da água é reprovável.
20- Só existe um tipo de cerveja no Brasil e é composta basicamente de água […] é uma porcaria. As cervejas importadas custam os olhos da cara.”
A não ser os itens 15, 16 e 17 - O RESTANTE, concordo com tudo e ainda acrescentaria mais itens para incrementar a lista!
Por outro lado, e agora defendendo o Brasil (não os brasileiros), surge-me uma dúvida:
- Que o Brasil tem muitos defeitos eu já sabia, mas tem imensas qualidades quando comparado a outros países! Tanto é assim que muitos europeus, asiáticos e inclusive norte-americanos vêm curtir férias aqui, e alguns, como é o caso dessa moça em questão, acabam fazendo desse "lixo à céu aberto", desse "antro de corruptos", MORADIA; e de seus nativos, MARIDO ou MULHER!
O pior não é o país ser o que é (e nisso concordo com ela); o pior é ter gente de fora que também concorda com tudo isso e segue aqui - "DE BOA"; comendo, trabalhando, ganhando melhor que em seu lugar de origem e cuspindo, diariamente, no prato que está comendo! Isso sim é feio e não tem nada de ético! Está infeliz e insatisfeito? Lugar de "feio é de onde veio" (já diria minha mãe)!
Por Elane F. de souza (Adv.; Blogueira e articulista em Divulgando DireitosDiário de Conteúdo Jurídico no face)
Fonte: Brasilkk.com

5 de abril de 2018

Lula não será o último - enquanto houver brasileiro, haverá político corrupto!

De nada adianta pegar um só político e colocá-lo "para Cristo"; amanhã ou depois haverá piores e poderá vir, inclusive, de um dos atuais integrantes da "manada" contra Lula (o réu da vez)! Foi assim na época de Fernando Collor; os que gritavam contra o corrupto (os corruptos) daquele momento, são os corruptos de hoje; e assim será sempre!
Enquanto houver brasileiro que briga por político de estimação; digo, "corrupto de estimação", seguirá havendo corrupção!
Não dá para colocar a "mão no fogo" por nenhum partido, quem dirá político.
Não é de hoje que os brasileiros são corruptos! Aprenderam a ser assim com os descobridores Europeus, entretanto, tornaram-se mestres. Hoje, teriam orgulho dos pupilos que atravessaram gerações.
Felizmente, para eles, com o passar dos anos, esse aprendizado, que não há nada do que se orgulhar, diminuiu, consideravelmente.
Na atualidade, Portugueses, Holandeses e Franceses não se parecem em nada com os Brasileiros - esse nosso povo está sempre querendo se dar bem - seja por pequenas coisas (que chamam de "jeitinho brasileiro") ou por grandes. As grandes, geralmente passam a existir, a partir do momento que podem! Os que praticam jeitinho brasileiro, e outras contravenções diárias, o que lhes faltam para grandes delitos, são OPORTUNIDADES!
O trecho do parágrafo anterior me fez recordar um artigo que escrevi há alguns meses, aqui mesmo no Jus Brasil, intitulado de "Jeitinho Brasileiro é igual a corrupção do cotidiano".


A frase que mais gosto do artigo é, "em tese", de Machado de Assis e diz o seguinte: "A ocasião NÃO faz o ladrão pois esse nasce feito, a ocasião faz o furtador"!
Novamente finalizaremos com ela; faremos isso porque entendemos ter tudo a ver com política, políticos e povo brasileiro!
Assim, a maioria deveria "enfiar o rabo entre as pernas" e sair de "fininho" da manada; afinal, se tivessem oportunidade fariam igual, senão pior que o atual corrupto do banco do Supremo (hoje)!
Por Elane F. de Souza (apenas uma crítica à sociedade)

NEWSLETTER - SUBSCREVA

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner