5 de abril de 2018

Lula não será o último - enquanto houver brasileiro, haverá político corrupto!

De nada adianta pegar um só político e colocá-lo "para Cristo"; amanhã ou depois haverá piores e poderá vir, inclusive, de um dos atuais integrantes da "manada" contra Lula (o réu da vez)! Foi assim na época de Fernando Collor; os que gritavam contra o corrupto (os corruptos) daquele momento, são os corruptos de hoje; e assim será sempre!
Enquanto houver brasileiro que briga por político de estimação; digo, "corrupto de estimação", seguirá havendo corrupção!
Não dá para colocar a "mão no fogo" por nenhum partido, quem dirá político.
Não é de hoje que os brasileiros são corruptos! Aprenderam a ser assim com os descobridores Europeus, entretanto, tornaram-se mestres. Hoje, teriam orgulho dos pupilos que atravessaram gerações.
Felizmente, para eles, com o passar dos anos, esse aprendizado, que não há nada do que se orgulhar, diminuiu, consideravelmente.
Na atualidade, Portugueses, Holandeses e Franceses não se parecem em nada com os Brasileiros - esse nosso povo está sempre querendo se dar bem - seja por pequenas coisas (que chamam de "jeitinho brasileiro") ou por grandes. As grandes, geralmente passam a existir, a partir do momento que podem! Os que praticam jeitinho brasileiro, e outras contravenções diárias, o que lhes faltam para grandes delitos, são OPORTUNIDADES!
O trecho do parágrafo anterior me fez recordar um artigo que escrevi há alguns meses, aqui mesmo no Jus Brasil, intitulado de "Jeitinho Brasileiro é igual a corrupção do cotidiano".


A frase que mais gosto do artigo é, "em tese", de Machado de Assis e diz o seguinte: "A ocasião NÃO faz o ladrão pois esse nasce feito, a ocasião faz o furtador"!
Novamente finalizaremos com ela; faremos isso porque entendemos ter tudo a ver com política, políticos e povo brasileiro!
Assim, a maioria deveria "enfiar o rabo entre as pernas" e sair de "fininho" da manada; afinal, se tivessem oportunidade fariam igual, senão pior que o atual corrupto do banco do Supremo (hoje)!
Por Elane F. de Souza (apenas uma crítica à sociedade)

Postar um comentário

NEWSLETTER - SUBSCREVA

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner