25 de julho de 2018

PARAÍSO SELVAGEM 1 - da série: viagens pelo nordeste

A vantagem de viver em uma região que não é tão grande (comparando com as outras do Brasil) é a possibilidade de conhecer (em pouco tempo) uma quantidade imensa de lugares.

Estamos começando uma série de artigos, fotos e vídeos em que mostraremos as belezas do nordeste.  

Nesta série procuraremos informar e dar dicas de onde e como chegar a tais lugares.  Hotéis, pousadas, onde comer, ir e se divertir.
Espero que gostem - muitas das imagens e vídeos serão realizados pelo drone Mavic PRO (operado pelo meu companheiro de vida).

Este primeiro vídeo é da propriedade onde estivemos hospedados no Vale do Catimbau - PE (Paraíso Selvagem, propriedade do indígena Jurandir Kawak e sua família).  Lugar lindo e acolhedor. Poucos chalés (suponho que é melhor reservar antes, via pg. do facebook - nela encontrará o fone e whatsapp).  

No entanto, se quiserem só passar o dia (day use) e almoçar, também é uma boa pedida. A comida é muitoooo saborosa e tem várias piscinas naturais.



O vídeo a seguir ainda é da área do paraíso selvagem, só que realizada no final de tarde (pôr do sol, com cara de nascer do sol).  Em alguns momentos parece pôr do sol, em outros parece nascer do sol por causa das subidas e descidas (irregulares) que o operador do drone efetuou (mas assim ficou melhor ainda).  Veja abaixo como chegar a esse 'paraíso'!



COMO CHEGAR:
De Recife - PE à Buíque PE são 
3 h 48 min (274,1 km) via BR-232


Estando em Buíque, informe-se em algum hotel ou posto de combustível. Dirão para seguir mais ou menos 12 km até o Vale do Catimbau - este será o local onde se localiza as terras de Jurandir Kawak (Paraíso Selvagem). 

Até o momento da escrita deste artigo (25.07.2018) todo o trecho, até o local, estava bom para trafegar.

Boa viagem - divirtam-se muito!

Por Elane F. Souza (Adm. deste blog e de outros de Direito)

Fontes: endereço (trajeto) retirado do google maps

*Já pensou em conhecer Portugal e morar naquele país? Para saber mais clique AQUI

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça um comentário ou envie uma pergunta

NEWSLETTER - SUBSCREVA

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner